Ano de 2013 encerra com 62,5% de brasileiros endividados

No sudeste, a média anual de famílias endividadas foi de 56,3% no ano passado.
O número médio de famílias endividadas cresceu em 2013 frente à 2012. Segundo pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em 2013, em média 62,5% dos brasileiros afirmaram possuir algum tipo de dívida. Em 2012, o mesmo indicador registrava uma média anual de 58,3%. No sudeste a média de famílias endividadas foi de 56,3% no ano passado.
 
Já o percentual de famílias com contas em atraso alcançou uma ligeira redução, passando de 21,4% em 2012 para 21,2% em 2013 no país. Entre os que possuem contas em atraso, o tempo médio chega há 59,4 dias. O sudeste também acompanhou esta tendência de redução e chegou a uma média de 18,8% de famílias com contas em atraso. 
 
O mesmo aconteceu com as famílias brasileiras que não terão condições de arcar com as contas em atraso. O indicador registou uma leve queda passando de 7,1% em 2012 para 6,9% em 2013. Além disso, 6,9% dos brasileiros endividados não terão condições de quitar suas dívidas. 
 
“Os endividados precisam redobrar a atenção com os gastos. O crescimento das famílias que não conseguem arcar com suas dívidas pode fazer com que os bancos reduzam a oferta de crédito e aumentem os juros, brecando ainda mais o crescimento econômico do país”, declara o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Espírito Santo (Fecomércio-ES), José Lino Sepulcri.
 
Outra tendência que marcou todos os meses de 2013 foi à motivação dessas dívidas. O cartão de crédito é a modalidade mais apontada como a causa das dívidas entre 76,4% dos endividados, seguido dos carnês (16,9%) e financiamento de carro (12,6%). No sudeste o percentual de dívidas com o dinheiro de plástico atinge 75% das famílias.
 
ASSCOM – Assessoria de Comunicação da Assedic
comunicacao@assedic.com.br
 
Paulo Dubberstein Main
Assessor de Comunicação
paulo@assedic.com.br
(27)3721.7272 * 99650.1589
 
Assista a Tv Assedic www.youtube.com/TvAssedic

 

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Comente