#BaixoGuandu Empresas do Polo Empresarial tem prazo prorrogado para término das obras

Prazo foi prorrogado para mais seis meses em decorrência das fortes chuvas em dezembro de 2013.
Foi prorrogado em mais seis meses o prazo para que as empresas, em parceria com o município, concluam as obras do Polo Empresarial de Baixo Guandu. A solicitação foi realizada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico à Superintendência dos Projetos de Polarização Industrial (Suppin), em decorrência das fortes chuvas de dezembro de 2013, que afetaram 54 dos 78 municípios do Estado.  
 
Antes, o prazo para concluir as obrar era até fim do mês de março. Agora, será em setembro. Para o empresário do segmento de fabricação de produtor de concreto e comércio varejista, Orli Morati, a prorrogação do prazo é importante para os empresários locais, principalmente, para aqueles que tiveram prejuízos com as chuvas. “O apoio que a administração municipal tem nos oferecido, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, é algo novo e muito importante, que nos ajudará com que tenhamos mais tempo para “respirar” e concluir nossa obra. Esta parceria já está dando bons frutos”.
 
As obras do Polo Empresarial de Baixo Guandu serão realizadas em parceria entre governos Estadual e Municipal e será um grande passo para o desenvolvimento da cidade. “O Polo Empresarial vem para fortalecer e incrementar o desenvolvimento do município”, disse Carlos Roberto Rafael, diretor-geral da Suppin, autarquia ligada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento do Espírito Santo (Sedes).
 
Para o secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico de Baixo Guandu, Clovis Rodrigues, essa é uma grande conquista que a atual administração irá concretizar junto ao governo do Estado. “Esta foi uma das reivindicações feitas logo no início de nossa gestão pelos empresários do município e, com pouco tempo e muita dedicação, vai ser concretizar.”, afirmou Clovis.
 
Polo Empresarial
 
O Polo Empresarial de Baixo Guandu tem um total de 215.486,45 metros quadrados entre vias de acesso, áreas verdes e com sete quadras com um total de 82 lotes, sendo que um lote, medindo 10.792 metros quadrados, foi doado para a Prefeitura de Baixo Guandu, reservado para a construção e instalação de um Centro Integrado de Lazer e Serviços (Cilas).
 
Com informações da Prefeitura Municipal de Baixo Guandu.
 
ASSCOM – Assessoria de Comunicação da Assedic
comunicacao@assedic.com.br
 
Paulo Dubberstein Main
Assessor de Comunicação
paulo@assedic.com.br
(27)3721.7272 * 99650.1589
 
Assista a Tv Assedic www.assedic.com.br/tv
Ouça à Rádio Assedic www.assedic.com.br/radio

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Comente