Empresário rural investe em sítio de lazer na região do Mutum, em Baixo Guandu – ES

O “Sítio Vó Regina” já está em atividade há cerca de um ano e atraindo um grande número de visitantes, especialmente nos finais de semana e feriados.
Em busca de uma nova alternativa de renda para sua propriedade rural, microempreendedor Edson Zumach criou um sítio de lazer no Córrego do Ouro, na região do distrito do KM 14, a 19 quilômetros da sede de Baixo Guandu.
 
O “Sítio Vó Regina” já está em atividade há cerca de um ano e atraindo um grande número de visitantes, especialmente nos finais de semana e feriados.
 
“Eu sempre acreditei no potencial de Baixo Guandu, um município que apresenta um bom índice de crescimento apesar da crise econômica, e não estou arrependido”, diz o empresário Edson Zumach, que aproveita a mão de obra da família e de vizinhos para atender aos visitantes, gerando também renda para dezenas de pessoas.
 
O Sítio Vó Regina possui salão de festas, piscinas adulto e infantil, área de camping, churrasqueira, trilha ecológica e de motocross, serviço de bar e restaurante e ainda oferece passeio de charrete, tornando o lazer bem típico de uma área rural.
 
Tudo isso cercado por uma enorme área verde, com campinho de futebol e uma bela casa construído nos anos 1950 , que foi restaurada pelo proprietário Edson Zumach para embelezar o conjunto do sítio.
 
O local atende a pacotes para Igrejas, escolas, encontros de famílias, casamentos, aniversários e pessoas interessadas em passar algumas horas num local bem próximo da natureza. Localizado a 19 quilômetros de Baixo Guandu, na estrada principal que leva ao distrito do KM 14, uma placa indica a entrada da área de lazer até o córrego do Ouro, com mais 400 metros de uma via menor, porém em boas condições de tráfego.
 
O proprietário Edson Zumach diz que sua clientela já é bem forte em Baixo Guandu e pessoas de Aimorés também freqüentam o local. “Estamos aos poucos divulgando nossas atrações e as pessoas estão vindo conhecer e passar um dia agradável com as suas famílias”, acrescenta Edson.
 
***
Com informações da Prefeitura Municipal de Baixo Guandu.

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Comente