Economia capixaba deve crescer 3,7% em 2018

Crescimento será influenciado, diretamente, pelas expectativas favoráveis do setor externo
No Espírito Santo, o crescimento do PIB no acumulado do ano está em 1,70%. Para 2018, a expectativa é que a economia capixaba cresça 3,70%. Os dados são da LCA Consultoria e foram divulgados hoje no Boletim Econômico Capixaba, publicação mensal do Instituto de Desenvolvimento Industrial e Educacional do Espírito Santo (Ideies), entidade do Sistema Findes.
 
O crescimento será influenciado pelas expectativas favoráveis do setor externo. “Como o Espírito Santo possui uma estrutura baseada na produção e beneficiamento de commodities, o mercado externo tem um peso significativo na economia capixaba”, destaca o texto.
 
Setor de Petróleo e Gás
 
A atividade de petróleo e gás também terá impacto positivo, combinando a recuperação dos preços internacionais do barril no mercado e os leilões da ANP para concessões de exploração de áreas localizadas em território capixaba. A LCA projeta um crescimento de 2,71% para a produção física capixaba em 2018, o que significará dois anos de crescimento positivo, após queda superior a -18,00% em 2016.
 
Produção Industrial Capixaba
 
No acumulado do ano, a produção industrial total capixaba cresceu em 2,5%, o 8º melhor resultado do país (empatado com São Paulo). Os setores com os melhores resultados foram fabricação de produtos alimentícios (14,2%) e indústria extrativa (3,3%). Já os de menor desempenho foram a fabricação de produtos de minerais não-metálicos (-5,6%) e metalurgia (-0,7%).
 
O documento alerta que o setor industrial capixaba é promissor, mas alguns gargalos ainda precisam ser superados em 2018, para que investimentos importantes sejam concretizados nos próximos anos, como o Porto da Imetame, em Aracruz; o Ramal Ferroviário Vitória-Rio, que passará por 25 municípios do Espírito Santo e do Rio de Janeiro, com capacidade para transportar diversas cargas; e a finalização da duplicação da BR 101.
 
Indicadores
 
O Boletim Econômico Capixaba é uma publicação mensal do Instituto de Desenvolvimento Industrial e Educacional do Espírito Santo (Ideies), entidade do Sistema Findes e apresenta as principais análises e indicadores econômicos da indústria, bem como aqueles referentes a setores relacionados e que impactam o desempenho industrial.
 
Fato Econômico Capixaba
 
O Fato Econômico Capixaba traz a apresentação direta de um tema que impacta a economia capixaba, dividido em três partes: a questão, os fatos e as implicações para o Espírito Santo.
 
Na edição de dezembro, o documento indicou que, embora tenha reduzido em dois pontos percentuais a participação na indústria extrativa nacional, o ES se manteve com a terceira maior indústria extrativa do país, responsável por 11,8% do total. Em primeiro lugar está o Rio de Janeiro (44,2%) e em segundo, Minas Gerais (15%).
 
***
Com informações da Federação das Indústrias do Estao do Espírito Santo.

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Comente